Publicado por: hemodialisando | 30/04/2011

2º passo – No encalço da matéria

2º passo – No encalço da matéria

Domingo, 20 de março de 2011.

Na noite anterior a nossa ida ao Hospital da Baleia, dormi pensando na dor física e psicológica de pacientes e famílias, nas dificuldades das pessoas, nas políticas públicas voltadas aos que possuem alguma debilidade renal  e na fila de transplantes  em Minas e no Brasil.

Domingo, depois do almoço, passei na casa do Raphael que já estava com o Vitor e fomos ao “Baleia”.

Que ideia a nossa ir colher as primeiras informações justamente num domingo, pensava. Mas foi o tempo que tivemos naquela semana.

Chegando ao hospital, quase tudo fechado! No entanto, num lance de sorte, uma senhorinha que estava deitada num banco do jardim em frente ao pavilhão principal do hospital, nos informou que a ala de hemodiálise aos domingos não funcionava, mas que poderíamos recorrer a outro pavilhão que funcionava naquele dia.

Seguimos o seu conselho e caminhamos até o outro prédio. Na portaria, fomos recebidos por um funcionário (não me lembro o nome dele, mas, diga-se de passagem, muito receptivo, extremamente educado e profissional) que nos contou sobre o funcionamento da área de nefrologia.

Colhemos as informações que pudemos naquele dia e retornamos um pouco frustrados.

Por João Paulo Costa Jr.


Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: